Taxas de juros rondam estabilidade, mas dólar ajuda no viés de baixa

Em manhã de agenda esvaziada e com as atenções voltadas para as decisões de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), às 15 horas, e do Comitê de Política Monetária (Copom), no início da noite, os juros futuros rondam a estabilidade, mas o viés é de baixa, em sintonia com o dólar mais fraco ante o real e outras moedas emergentes em meio ao exterior positivo nesta quarta-feira.

Às 9h15, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2027 marcava 10,23%, de 10,25% no ajuste anterior.

O DI para janeiro de 2023 estava em 8,82%, de 8,84%, e o para janeiro de 2022 marcava máxima de 7,130%, de 7,128% no ajuste de ontem.

O post Taxas de juros rondam estabilidade, mas dólar ajuda no viés de baixa apareceu primeiro em ISTOÉ DINHEIRO.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.