Quatis que invadiram zona Sul de Joinville ganham novo lar

Após quatro anos fazendo travessuras e dando o que falar na zona Sul de Joinville, os quatis que moravam no bairro Floresta foram levados para um novo lar. Agora, eles estão na Serra Dona Francisca, em uma casa que combina mais com a vida desses moradores.

Quatis ganharam novo lar em Joinville – Foto: Prefeitura de Joinville

Segundo a prefeitura de Joinville, os quatis chegaram ao meio urbano em 2017, após perderem espaço na mata e, consequentemente, alimentos para se sustentar. A alternativa para os bichinhos foi invadir empresas e casas em busca de uns petiscos.

“O fato de as pessoas depositarem o lixo em locais de fácil acesso ou, até mesmo, ofertarem alimentos voluntariamente, fez com que os quatis se aproximassem das residências”, explica Jaime de Matos Júnior, médico veterinário da Secretaria da Saúde de Joinville.

O problema é que, apesar de queridos, eles também causaram alguns transtornos: certa vez, invadiram a cozinha de uma empresa e acabaram mordendo a pena de uma funcionária. E aí a relação entre humanos e quatis ficou um pouco instável e os bichinhos viraram até matéria na TV:

Por causa disso, e também porque os quatis precisam de mais espaço, vários órgãos se uniram para levá-los a uma área mais apropriada.

Com a autorização do IMA (Instituto de Meio Ambiente de Santa Catarina), 35 quatis foram capturados ao longo de um ano e passaram por exames para conferir se estavam com a saúde em dia. Com tudo certinho, os animais foram levados ao novo lar.

Cuidados devem continuar para prevenir outras infestações

Embora os quatis já estejam vivendo em um novo local, os cuidados para impedir uma nova aproximação dos animais devem continuar.

“É importante as pessoas saberem que os quatis podem hospedar vírus ou doenças que podem ser transmitidas. Além disso, a superpopulação desses animais contribui para o desequilíbrio da cadeia alimentar, já que não há predadores naturais para absorver o excedente da população de quatis”, alerta o veterinário.

Até o mês de dezembro – prazo de validade da autorização do IMA para o deslocamento de quatis para a Serra Dona Francisca – os moradores do bairro Floresta que encontrarem algum animal, podem avisar a Vigilância Ambiental pelo telefone (47) 3433-1660, de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h30.

Os técnicos do órgão farão a captura e tomarão as providências para devolver o animal ao seu habitat natural. A ação contou com a participação da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, da Secretaria da Saúde, da Câmara de Vereadores, da Polícia Militar Ambiental e da iniciativa privada.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.