TJDFT arquiva ação de ex-diretora de Ministério da Saúde contra ex-mulher de Pazuello

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) decidiu arquivar uma ação iniciada pela médica Laura Appi (na foto em destaque), que foi diretora do Ministério da Saúde, contra Andrea Barbosa, ex-mulher do general Eduardo Pazuello, que antecedeu o ministro Marcelo Queiroga no comando da pasta.

Por decisão da 3ª Vara Cível de Brasília, o trâmite da interpelação foi encerrado após a própria infectologista ter desistido do processo. O mecanismo é usado como medida anterior a um processo judicial.

Laura Appi judicializou a questão após a colunista Malu Gaspar, do jornal O Globo, ter publicado nota sobre um possível interesse da ex de Pazuello em depor na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, para falar justamente sobre a mulher que era o braço direito do general.

Na interpelação, a médica solicitava que Andrea explicasse se foi a autora de declarações à imprensa de que Laura Appi manteria um relacionamento conjugal com o então ministro, fato negado pela ex-esposa de Pazuello.

 

O post TJDFT arquiva ação de ex-diretora de Ministério da Saúde contra ex-mulher de Pazuello apareceu primeiro em Metrópoles.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.