Sem acordo claro com talibãs, Catar deixará de operar aeroporto de Cabul

O Catar advertiu, nesta terça-feira (14), que não assumirá a gestão do aeroporto de Cabul, se não houver um acordo “claro” sobre sua operação com todas as partes envolvidas, incluindo os talibãs.

“Temos que garantir que tudo seja tratado de forma clara (…) Não poderemos assumir qualquer responsabilidade do aeroporto, se estas questões não forem resolvidas”, afirmou o ministro catariano das Relações Exteriores, Mohammed bin Abdulrahman Al-Thani, em entrevista coletiva.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.