Polícia descobre esconderijo de agrotóxicos avaliados em R$ 200 mil em Joinville

A operação realizada para prender suspeitos de um roubo a banco em Joinville acabou gerando desdobramentos em outro crime: durante a ação, a Polícia Civil descobriu o local onde estavam agrotóxicos avaliados em R$ 200 mil, que haviam sido furtados no início deste mês.

Agrotóxicos foram encontrados em sítio na região de Pirabeiraba – Foto: Polícia Civil/Divulgação

Os produtos foram levados de uma agropecuária de Pirabeiraba, na zona Norte da cidade, na madrugada do dia 6 de setembro. Os criminosos fizeram um buraco na parede do depósito e furtaram dezenas de bombas de 20 litros de defensivos que seriam vendidos a produtores rurais.

O comércio já havia sido alvo de arrombamento outras vezes, mas este foi considerado mais planejado, tanto pela maneira de agir dos criminosos quanto pelos produtos levados. Veja na matéria da NDTV:

Na manhã desta terça-feira (14), durante a operação contra ladrões de banco, a polícia chegou até a carga furtada. “No desdobramento da operação, identificamos um sítio entre Pirabeiraba e Garuva que é de propriedade de um dos presos e achamos a carga de agrotóxicos”, explica Murilo Batalha, delegado da DIC (Divisão de Investigação Criminal).

De acordo com o delegado, o sítio pertence a um dos presos na operação e não havia ninguém no local no momento. A proprietária da agropecuária já está no local para identificar os produtos furtados.

Além do dono do sítio, outras quatro pessoas foram presas na operação que busca os suspeitos de um roubo ao cofre de um banco em Pirabeiraba em maio deste ano, que também culminou em uma tentativa de latrocínio contra o vigilante.

Na ação, ainda foram recuperados itens que haviam sido furtados de lojas em Araquari e no bairro Vila Nova. Um dos envolvidos continua foragido.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.