João de Deus deve retornar à prisão domiciliar nesta terça, diz defesa

Goiânia – A defesa do médium João Teixeira de Faria, o João de Deus, de 79 anos, afirma que conseguiu, na Justiça, a reversão da prisão dele de regime fechado para domiciliar por meio de habeas-corpus. De acordo com os advogados, ele deve ser solto ainda nesta terça-feira (14/9). Mas ainda não há nenhuma confirmação oficial.

Ele está preso desde o dia 26 de agosto no Núcleo de Custódia, do Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, região metropolitana da capital goiana.

João é condenado a mais de 64 anos de prisão por diversos crimes sexuais e já foi preso por duas vezes, depois de um escândalo sexual em que mais de 320 mulheres o denunciaram.


0

A última prisão foi relacionada a uma denúncia do Ministério Público de Goiás (MPGO) por estupro de oito mulhres.

Os advogados do médium já aguardam sua liberdade em frente ao presídio. A Diretoria Geral de Administração Penitenciária (DGAP) ainda não foi notificada. A notificação ocorre de forma eletrônica. O documento com o texto da decisão ainda não foi divulgado, pois o caso é considerado sigiloso.

Exposição pública

A decisão pela prisão domiciliar de João de Deus foi anunciada por meio de nota de sua defesa. Em nota, os advogados afirmam que a decisão reforçou o entendimento com base na dignidade da pessoa humana, já que o médium possui diversas doenças crônicas.

Os advogados Anderson Van Gualberto de Mendonça e Marcos Maciel Lara repudiaram em nota a exposição do cliente, que chamam de espetáculo público e a consideram como cruel e desarrazoada.

O post João de Deus deve retornar à prisão domiciliar nesta terça, diz defesa apareceu primeiro em Metrópoles.

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Os comentários estão desativados.